5 dicas para sobreviver ao babywearing no Verão

por Julia Wronikowska Nunes 

Recebi novas sugestões de truques que achei importantes adicionar. Vieram mesmo a tempo deste calor, vejam os pontos 4 e 5 que têm as novas ideias.

O babywearing é muito confortável e carregar os nossos meninos apertadinhos no peito ou nas costas naqueles dias cinzentos de Inverno é o mesmo que andar com uma fonte de calor colada a nós.

No Verão as coisas tornam-se um pouco diferentes. O calor aperta, o corpo sua e rapidamente a roupa fica ensopada. O babywearing pode tornar-se desconfortável, cansativo ou mesmo insuportável. Tenho boas notícias! 5 pequenos ajustes às nossas amarrações vão tornar o babywearing durante o Verão bastante mais agradável:

  1. Desloca as amarrações para a anca ou para as costas. Estas amarrações têm menor contacto entre o corpo do bebé e o corpo da mamã e vão os dois sentir-se mais frescos;
  2. Tem atenção aos detalhes da amarração. Usa amarrações com uma só camada, de forma a que a criança fique coberta com o mínimo de tecído possível. Com crianças mais velhas e que já segurem bem a cabeça, podem fazer a amarração deixando os braços de fora e com um aperto menor no pescoço;
  3. Usa e abusa da sombra mas sempre com protetor. Se não há sombra, um chapéu de sol com proteção contra raios UV é uma boa ajuda. Se não tiveres, um guarda-chuva também ajuda. Sempre, sempre, em qualquer situação, colocar um bom protetor no corpo todo do bebé, mesmo nas partes que ficam cobertas com roupinha ou com o pano;
  4. Não esquecer que o pano também faz parte da indumentária. Recentemente apresentei a estética como um dos fatores para escolha de um bom pano. Considera o pano quando te vestires e quando vestires o bebé. Usa roupas fresquinhas, de tecidos naturais (algodão, linho, etc), tanto para ti como para o bebé e lembra-te sempre que os dois vão ter sempre mais uma camada de tecido quando sairem à rua. Para compensar o calor, aplica um spray de água no pano antes ou depois de amarrar, mas sem deixar o pano ensopar e de forma a que a roupinha do bebé se mantenha sempre seca. Vai criar uma camada fresca junto ao corpo e aproveitar o vento escasso do Verão, refrescando o bebé e a mamã. É uma solução boa e fácil de manter sempre contigo, pois podes comprar um spray de água termal ou preparar um em casa;
  5. Focar no essencial. Quando o calor aperta muito, reduz a duração das amarrações ou a frequência das mesmas. Tenta só usar o porta-bebé quando é mesmo necessário. Se o teu bebé adormece no pano, tenta transferi-lo para a cama após adormecer. Alguns bebés acordam nas primeiras vezes, ou precisam que fiquem deitadas com eles, mas conforme se habituam, podem descansar melhor e mais frescos na cama do que colados a nós.

5-dicas-para-sobreviver-ao-babywearing-no-verao

A Primavera deste ano esteve teimosa e parece não nos queria deixar usar estas dicas, mas espero que o Sol dos últimos dias esteja para durar e que estas dicas nos sejam muito úteis 🙂 Partilhem em baixo as vossas ideias e experiências.