Front Wrap Cross Carry para recém-nascidos

Há algum tempo escrevi sobre as melhores formas de carregar os recém nascidos. Hoje volto ao assunto para vos trazer uma amarração que pode ser usada com os nossos pequenos tesouros, logo à saída da maternidade.

A cruz evolvente, mais conhecida como Front Wrap Cross Carry ou FWCC é uma das amarrações mais populares e mais usadas. Porquê? Porque é uma amarração bastante fácil, serve bem para crianças pequenas, e sim, pode ser usada com um recém-nascido

Recomendo esta amarração para os papás também, é a amarração preferida do Nuno e durante muito tempo a única que conseguia fazer.

Vantagens

A grande vantagem é poder ser feita tanto com o (meu favorito) pano de tecido, também conhecido como woven, como com o pano elástico. Assim, quem aprendeu a fazer o FWCC com o pano elástico e quiser passar para o pano de tecido, não tem que iniciar do zero.

A única diferença é que, com o pano elástico, para dar suficiente suporte à coluna, temos sempre que garantir três camadas de pano por cima do bebé.

Front Wrap Cross Carry com um pano elástico

Já com o pano tecido, que é mais rijo, já não são precisas as três camadas e basta o bebé ficar coberto com uma camada, o que é uma salvação quando chega o Verão.

Front Wrap Cross Carry com um pano tecido

Detalhes importantes

Porém, no FWCC há sempre uma faixa horizontal de pano que segura o bebé por baixo e isto pode forçar a abertura das pernas do bebé em demasia. Por isso, temos que ter sempre um cuidado especial quando acabamos de amarrar  o pano e verificar sempre se a posição do nosso bebé está correcta.

Mas não tem perigo, apenas temos que ter noção deste risco e manter em mente que após a amarração temos sempre que confirmar se as perninhas estão bem posicionadas. Nos primeiros dias, podem fazê-lo junto ao espelho e quando estiverem mais habituadas, basta colocarem as mãos nas perninhas dos vossos pequenos para confirmarem se estão numa posição natural ou em esforço.

Se estiverem em dúvida ou preocupadas, comecem por alargar a amarração e voltar a fazer o nó. Se mesmo assim não estiverem confiantes, retirem o pano e apliquem-no novamente. Se as dúvidas (ou a falta de confiança) persistirem, procurem um grupo de apoio no Facebook, ou participem num encontro de babywearing perto de vós.

Vamos por os nossos bebés na cruz envolvente?

Vejam os tutoriais da Hedwych da Wrap Your Baby in Love, que faz um FWCC com pano elástico (4 minutos, em inglês), e da Anika, da Carregar com Alma, que faz o FWCC com pano tecido (15 minutos, em português).